BLOG
 

Previna-se contra a trombose Venosa profunda ou Síndrome do Viajante usando meias de compressão. Você pode evitar este problema, comum em longas viagens.

Um mal pouco conhecido pelas pessoas pode ser bem comum em passageiros que passam longas horas sentados, em poltronas de aviões, trens ou ônibus.

É a trombose venosa profunda (TVP) também conhecida como síndrome do viajante, que pode ser fatal. Segundo a Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular (SBACV). Somente nos Estados Unidos, 100 mil óbitos são registrados todos os anos.

Os médicos acreditam que o número seja maior, pois o mal costuma se manifestar quando o viajante já chegou ao seu destino e está em casa ou no hotel, sendo então o óbito registrado como um “mal súbito”.

Outro dado importante, e que ainda pouca gente sabe, é que em percursos a partir de duas horas a incidência de TVP aumenta em até três vezes. Durante o período de férias, muitas pessoas programam viagens de longa distância, dentro ou para fora do país. E antes de embarcar, é preciso lembrar de se prevenir dessa síndrome.

“A incidência da trombose venosa profunda em pessoas que realizam viagens de longa duração ocorre principalmente por causa da estase do sangue pela dificuldade ou impossibilidade de andar ou se movimentar normalmente.

A TVP ocorre, todavia, com mais frequência em viajantes que têm fatores de risco individuais, ou também por outros fatores desencadeantes de risco, como desidratação, ingestão de álcool, obesidade e tabagismo”, afirma Dr. Carlos Alberto Carvalho, Presidente da Associação Brasileira de Flebologia e Linfologia.

A melhor maneira de evitar esse tipo de problema é bem simples: usar durante a viagem meias de compressão, que ajudam a ativar a circulação no momento em que se está parado.

O uso preventivo evita a manifestação de pernas inchadas, cansadas, doloridas e também o inchaço dos pés e tornozelos, durante longas viagens. Hoje as meias não são mais aquelas incômodas e feias de antigamente, grossas e desconfortáveis. Há modelos diversos, específicos para homens e mulheres.

Outros cuidados

A síndrome do viajante pode ser evitada com algumas precauções mínimas. Segundo o médico Carlos Alberto Carvalho, além do uso das meias de compressão, alguns cuidados ajudam o viajante a não correr riscos de trombose:

• De duas em duas horas faça exercícios com os pés, para cima, para baixo e em círculos, proporcionando a movimentação da panturrilha;

• Caminhe um pouco, a cada duas horas, pelo corredor do avião;

• Beba líquidos não alcoólicos antes e durante a viagem, mantendo assim uma boa hidratação;

• Use roupas confortáveis;

• Eleve os pés, sempre que possível;

• Se estiver de carro ou de ônibus, movimente os pés e desça em cada parada, caminhando um pouco.

Fatores de risco para o surgimento de problemas circulatórios durante longas viagens:

• Desidratação.
• Hereditariedade (histórico anterior de TVP).
• Ingestão de álcool.
• Obesidade.
• Pouco espaço para movimentação.
• Pressurização das cabines.
• Tabagismo.

Via mais Saúde

Para saber mais sobre os benefícios das meias de compressão ligue para uma das lojas da Shopping Prohospital. Trabalhamos com a venda das melhores marcas disponíveis no mercado.

‪#‎saúde‬ ‪#‎dicasdesaúde‬ ‪#‎trombose‬ ‪#‎sindromedoviajante‬‪#‎meiasmedicinais‬ ‪#‎meiascompressivas‬

 



Copyright © 2015 Todos os direitos reservados
Shopping Prohospital Material Medico Hospitalar Ltda.
CNPJ: 00.291.784/0001-54
Facebook Twitter Instagram